Liceu Pasteur - Ensino Médio, Fundamental e Infantil

Notícias / Reportagens

Voltar
Reportagens - 27/10/2016

Feira de Ciências 2016

A Feira de Ciências 2016 do Liceu Pasteur contou com exposições de temas extremamente atuais e que impactam diretamente no dia a dia da Sociedade.

Um dos eventos mais tradicionais do Liceu Pasteur é a Feira de Ciências que, neste ano, aconteceu no último dia 22 de outubro. Por ser um evento anual, uma das preocupações das coordenadoras da feira, as professoras Maria Helena e Vera Lúcia, além de todos os professores que monitoram os trabalhos das turmas, é manter o alto nível dos temas e trazer à tona assuntos que impactam a realidade da Sociedade.

Nesta edição, o que se viu pelas salas de aulas do Liceu Pasteur foi um banho de atualidade. Trabalhos que trouxeram conceitos muito importantes e que influenciam de alguma forma o dia a dia de quem visitou a feira. Um exemplo foram os trabalhos das turmas do 9º Ano do Ensino Fundamental II. Eles escolheram um tema de partida: a água. Porém, cada grupo buscou trazer um apelo atual a cada trabalho.




A professora Maria Luiza Villa e o professor Jaime Duarte estiveram bem próximos dos alunos no desenvolvimento das apresentações das turmas do 9º Ano e reforçaram a preocupação em direcionar o holofote para os problemas que aconteceram recentemente, como a crise hídrica, e mostrar as alternativas e soluções concretas para situações emergenciais. “Conseguimos apresentar aos visitantes questões muito importantes e alertá-los para cuidados que precisamos ter para preservar este recurso. É preciso entender que estamos sendo os culpados pela escassez com o uso irracional da água. Sem falar dos problemas que ainda teremos, como o agravamento do aquecimento global”, acentua a professora Maria Luiza.

 

As turmas do 6º e 7º Ano do Ensino Fundamental II também colocaram sobre suas bancadas de exposição uma série de assuntos derivados da questão ambiental e da agricultura brasileira. Nosso país tem no agronegócio um dos principais pilares de sustentação da economia. E foi muito interessante entender algumas questões com temas como: Agronegócio – Indústria de Alimentos, que mostrou a importância da agricultura alimentar na participação efetiva do PIB brasileiro; Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuária), ressaltando a importância da instituição pública de pesquisa vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária, Abastecimento do Brasil; e Hidroponia, que mostrou uma alternativa para a possibilidade de se cultivar plantas e alimentos sem a utilização da terra, entre outros temas complementares direcionados à questão de cultivo e cuidados com o Meio Ambiente.

Memória – De forma muito criativa, os alunos da 1ª Série do Ensino Médio conseguiram transformar um tema central, como a Memória, em quatro trabalhos que mostraram como é possível ter a concepção de memória de diferentes formas, como Memória Artificial, Memória Humana, Memória da Energia Nuclear e Memória Universal.

Os visitantes foram convidados a conhecer como funciona a memória dos computadores, que estão tão presentes no nosso cotidiano e muitas vezes nem percebemos a capacidade de armazenar um volume significativo de informações. Também entenderam como o ser humano armazena suas memórias e de que forma situações externas, como uma música, remete-nos a uma sequência de sensações. Foi possível ainda conhecer sobre a formação do Universo e a origem da matéria e da construção de mundos. Por fim, presenciaram a apresentação de uma Usina Nuclear em pleno funcionamento e o histórico desta fonte de energia.

Vale ressaltar ainda os trabalhos das turmas dos 2º, 3º e 4º anos do Ensino Fundamental I, que são sempre muito atrativos pela ambientação das salas e da forma como os alunos mergulham nos temas escolhidos.

 No Laboratório de Biologia, por exemplo, era possível ver os alunos dos 4º anos A e B vidrados com as ervas aromáticas que eles mesmos cultivaram. A professora Rosana, que coordenou o trabalho da turma, ressaltou que eles estão desde o mês de agosto cuidando das ervas, observando a germinação e o crescimento. “Eles se dedicam e ficam muito felizes por ver o resultado do próprio esforço. Depois apresentam para os pais de forma entusiasmada, o que nos deixa feliz ao ver que aprenderam uma série de conceitos de forma prática e lúdica”, conclui Rosana.

Veja mais fotos do evento na Galeria de fotos - Clique aqui

Assista ao vídeo do evento, sendo que o Liceu organizou ao mesmo tempo,
uma apresentação musical da Educação Infantil - Clique aqui

Compartilhe: Voltar